Sexta-feira, 13 de Novembro de 2009

Momentos a um

 

Tenho de começar a aprender a ter momentos só para mim. Doa a quem doer.

Às vezes parece que sou o único a não ter tempo para fazer nada do que me dá prazer.

É certo que muitas das vezes não tiro uns minutos para mim porque quero estar com pessoas, amigos e namorada. Mas, quando esses momentos em que vou para estar com alguém saem furados dá-me vontade de explodir e dizer tudo o que quero e não quero. Uma vez, tudo bem... constantemente, farta.

Hoje estou assim, amanhã hei-de estar melhor.

Deixar tudo nas letras para que os sonhos não me atrapalhem.

tags:
publicado por Fausto às 00:58
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Liliano a 13 de Novembro de 2009 às 18:32
Dos melhores textos que te vi escrever! Tem corpo e espirito! 'Congrats, mate!

Comentar post

¿quem?

¿pesquisar

 

¿Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

¿fresquinhos

¿ Sigam as placas com o hom...

¿ Ronca prái, Sapo, que eu ...

¿ Queriam matá-lo mas ele n...

¿ Alguém que invente

¿ Explode

¿ Take I

¿ Dá-me luz

¿ O anormal de Telheiras

¿ O meu reino por uma máqui...

¿ Dez segundos à Benfica

¿arquivo

¿ Abril 2010

¿ Março 2010

¿ Fevereiro 2010

¿ Janeiro 2010

¿ Dezembro 2009

¿ Novembro 2009

¿ Outubro 2009

¿ Setembro 2009

¿links

¿subscrever feeds