Terça-feira, 6 de Abril de 2010

Sigam as placas com o homenzinho branco

Sendo o último post o último, e de forma a manter a coerência existente na minha pessoa, este post é, obrigatoriamente, o penúltimo.


Como é que fazes isso? - Perguntam vocês.

 

Simples. - Respondo eu.

 

Porque posso.

 

Deixando-me de devaneios parvos dirijo-me de imediato à porta de saída e coloco um ponto final no que foi este pseudo namoro com o Sapo.

Como em qualquer relação, se não nos damos bem, é lógico que não podemos seguir juntos para a vida.

 

Vou voltar para onde tudo começou. Não literalmente porque esse inicio está bem escondido.

 

Podem-me encontrar aqui --> Cenas e Coisas, ao vosso dispor.

 

E dentro muito em breve, podem-me encontrar também aqui. Ainda não tem nome mas há-de ter, se deus o nosso senhor assim o quiser.

 

E COMO SOU UM ESQUECIDO, FALTA REFERIR O MELHOR LOCAL PARA RIR DO MUNDO ---> BANDEIRAS DESPREGADAS E TODO O SEU BRILHO E ESPLENDOR!!

 

Desculpa Sapo, o problema não és tu... sou eu.

publicado por Fausto às 20:56
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

¿quem?

¿pesquisar

 

¿Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

¿fresquinhos

¿ Sigam as placas com o hom...

¿ Ronca prái, Sapo, que eu ...

¿ Queriam matá-lo mas ele n...

¿ Alguém que invente

¿ Explode

¿ Take I

¿ Dá-me luz

¿ O anormal de Telheiras

¿ O meu reino por uma máqui...

¿ Dez segundos à Benfica

¿arquivo

¿ Abril 2010

¿ Março 2010

¿ Fevereiro 2010

¿ Janeiro 2010

¿ Dezembro 2009

¿ Novembro 2009

¿ Outubro 2009

¿ Setembro 2009

¿links

¿subscrever feeds