Sexta-feira, 8 de Janeiro de 2010

Viajar no espaço-tempo

 O meu carro é uma máquina que me leva onde me sinto confortável. Sempre o fez e sempre o fará, e quando não o puder fazer, traz o confortável até mim. Ou pelo menos tenta.

O frio faz disparar alertas laranjas por esse país fora. As máximas mais parecem minimas e só falta mesmo nevar e a água do mar gelar para o Polo Norte ser um sitio muito bom para se passarem férias, quando comparado com isto.

O meu carro pensou, durante a noite, na melhor maneira de eu não vir rabugento para o trabalho de manhã e resolveu presentear-me com a ilusão de que na rua estão 25ºC.

É bastante estranho passarmos por pessoas com roupa até aos dentes e o mostrador do termometro marcar os 25ºC. Ainda pensei em ir buscar a roupa de Verão, meter o dia e ir até à piscina. Mas quando o vidro começou a ficar com gelo pensei que talvez fosse altura de o levar ao electricista que o coitadinho estava a ficar constipado.

Venham de lá os "0 graus negativos" (fooooon, barulho de buzina) que a malta anda farta de água que molha.

 

publicado por Fausto às 10:55
link do post | comentar | favorito
|

¿quem?

¿pesquisar

 

¿Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

¿fresquinhos

¿ Sigam as placas com o hom...

¿ Ronca prái, Sapo, que eu ...

¿ Queriam matá-lo mas ele n...

¿ Alguém que invente

¿ Explode

¿ Take I

¿ Dá-me luz

¿ O anormal de Telheiras

¿ O meu reino por uma máqui...

¿ Dez segundos à Benfica

¿arquivo

¿ Abril 2010

¿ Março 2010

¿ Fevereiro 2010

¿ Janeiro 2010

¿ Dezembro 2009

¿ Novembro 2009

¿ Outubro 2009

¿ Setembro 2009

¿links

¿subscrever feeds