Terça-feira, 2 de Março de 2010

Hipocondrias à parte

 

Sendo eu um dador de sangue assíduo e saudável de nascença, não estou habituado a qualquer tipo de maleitas. O habitual é ignorar quaisquer sinais que as pequenas doenças possam transmitir. Isso vê-se muito quando toca à constipação/gripe. Só dou uso aos medicamentos criados para o efeito se a coisa se prolongar para lá dos limites da minha paciência.

E eis que chegamos à palavra que dá azo a este post.

Paciência.

Ando com uma dor no pescoço vai pra cima de uma eternidade. Nos últimos tempos até o peso dos casacos incomoda. É certo que isto acontece por andar a dormir torto, sentar-me ainda pior e fazer muitos kms ao volante do carro mas, no fundo, o que importa é que... dói!!!

 

Das duas uma:

Um colar cervical ou apuncultura.

 

Até lá, estala-se de vez em quando que sabe muito bem.

publicado por Fausto às 10:06
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De vani a 4 de Março de 2010 às 20:35
Que raio é apuncultura? cultura de puns? isso é stress acumulado. Precisas é de uma bela massagem!

Comentar post

¿quem?

¿pesquisar

 

¿Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

¿fresquinhos

¿ Sigam as placas com o hom...

¿ Ronca prái, Sapo, que eu ...

¿ Queriam matá-lo mas ele n...

¿ Alguém que invente

¿ Explode

¿ Take I

¿ Dá-me luz

¿ O anormal de Telheiras

¿ O meu reino por uma máqui...

¿ Dez segundos à Benfica

¿arquivo

¿ Abril 2010

¿ Março 2010

¿ Fevereiro 2010

¿ Janeiro 2010

¿ Dezembro 2009

¿ Novembro 2009

¿ Outubro 2009

¿ Setembro 2009

¿links

¿subscrever feeds