Quarta-feira, 31 de Março de 2010

Queriam matá-lo mas ele não deixou

O Tim mais o Rui Veloso andam para aí com uma música a dizer que queriam fazer uma série de coisas mas que não os deixaram. Acho que aconteceu qualquer coisa desse género com o meu chefe.

Vai daí, o destino quis que ele tivesse de transportar veneno no carro.

Podia tudo ter corrido de uma certa maneira (não quero dizer bem, não vá o diabo tecê-las), não fossem as embalagens irem fechadas.

Mas ainda assim deu para lhe espetar uma valente dor de cabeça.

 

Gozo geral à minha chegada perto da hora de almoço, na tentativa de tentar perceber quem é que teria pago mais para se ver livre dele.

 

O mais ridículo foi ver que às 17 horas o cheiro, dentro do carro, ainda era muito intenso mas por razões que até a razão desconhece, os vidros continuavam fechados e o fulano lamentava-se por ter de ir de carro para casa.

Se ainda estivesse a chover e não houvessem telheiros no estacionamento, eu até percebia.

 

Vai na volta e aquilo ainda dá uma grande moca.

publicado por Fausto às 20:33
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 1 de Março de 2010

30 minutos à arbitro de futebol

 

Há coisas que me irritam profundamente e há outras que me deixam num estado que mais parece o super super guerreiro da irritação. São poucas as pessoas ou situações que me levam a esse ponto, e o meu chefe está de parabéns por ser uma dessas pessoas.

A vida, hoje, no escritório, não teve os seus melhores dias.

Nada em que eu estivesse envolvido nem que me tocasse de raspão, mas deixou tudo muito nervoso.

Por incrivel que pareça o tempo até passou rápido e a hora de saída parecia que não ia falhar.

Está claro que o meu querido chefe tinha de estragar o prazer que é voltar para casa a horas e desta vez teve sorte por não levar uma resposta torta. Embora, estranho, eu não reagi mal às palavras asperas que ele tentou ditar perguntando se já era hora de sair. Tendo em conta que eram 6 da tarde, quer-me parecer que sim.

Pediu para esperar um pouco que queria falar comigo... esperei, e mal empregado tempo que perdi.

Engonhar.

Foi o que fez.

Ridiculo.

Foi o que foi!

Meia hora de diferença não é muito tempo no relógio, mas dá-me cá uns abalos ao psicológico que só visto...

Já só faltam 12horas para me por a mexer para o escritório outra vez.

Arre!

publicado por Fausto às 20:18
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Terça-feira, 26 de Janeiro de 2010

Quando eu for grande quero ser um painel solar

 

Com tanta tralha que já li sobre os painéis solares (térmicos ou fotovoltaicos) declaro-me aqui um expert na matéria e disponivel para tirar quaisquer dúvidas que o comum mortal possa ter.

Só uma questão...

 

Ao passarem tanto tempo ao sol não deviam estar mais bronzeados?

 

Agora vou ali atirar pedras ao painel do vizinho para ver se ele vem cá comprar um novo.

publicado por Fausto às 15:17
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 16 de Novembro de 2009

As únicas segundas feiras que prestam são as que têm como prefixo a palavra feriado

 

Hoje acordei particularmente rabugento.

Não me fiz rogado a levantar o dito cujo da cama mas se pudesse tinha ficado lá até me doer o músculo mais escondido que tenho no corpo.

Hoje era um bom dia para me dedicar ao estudo das várias posições do dormir.

Não que tenha sono, longe disso. O problema é que não tenho vontade nenhuma para fazer o que quer que seja que deva fazer pelo qual me pagam.

 

O Garfield é que tem razão.

 

Hoje é segunda-feira 16. O verdadeiro dia de azar.

 

publicado por Fausto às 12:17
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 8 de Outubro de 2009

Procura-se: S. Martinho

 Vai para quase 3 semanas que o Verão disse até ao próximo ano e ainda não me habituei à ideia. Apetece-me aproveitar todo e qualquer fim-de-semana para ir até à praia. Esticar o pernil na areia e deixar-me ficar... pelo menos 5 minutos até me apetecer andar a correr atrás de um disco, qual cão quaisquer outras coisas que costumem correr atrás de discos (não estão incluidos caçadores de aliens).

Isto de estar a trabalhar tem qualquer coisa de especial. Antes de o estar só queria começar e agora que estou apetece-me sempre uma pausa a meio da semana. Mais que não seja para ter tempo para fazer qualquer coisa.

Por falar em trabalho...

Quem é que foi o idiota que decidiu quanto é que valem as ajudas de custo para gasolina? Ou o senhor ainda está algures no século passado (muito algures) ou não faz ideia do que anda a fazer. Ora vejamos, a gasolina e o gasoleo estão ao preço que estão e há uma alminha que acha que 50 euros chegam para um mês inteiro. Chegar, até chega, se o carro só for usado para andar para trás e para a frente para haver espaço para a bicicleta passar ( 5 "para" em meia dúzia de palavras, chamem-me repetitivo).

 

publicado por Fausto às 21:17
link do post | comentar | favorito

¿quem?

¿pesquisar

 

¿Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

¿fresquinhos

¿ Queriam matá-lo mas ele n...

¿ 30 minutos à arbitro de f...

¿ Quando eu for grande quer...

¿ As únicas segundas feiras...

¿ Procura-se: S. Martinho

¿arquivo

¿ Abril 2010

¿ Março 2010

¿ Fevereiro 2010

¿ Janeiro 2010

¿ Dezembro 2009

¿ Novembro 2009

¿ Outubro 2009

¿ Setembro 2009

¿links

¿subscrever feeds